"Procura fazer-te amar mais, que fazer-te temer."

Dom Bosco
Salesianos Cooperadores

Salesianos

Cooperadores

Um vasto movimento de pessoas para salvação da juventude.

Você está aqui: Home > Encontro 01 – Salesianos Cooperadores

Encontro 01 – Salesianos Cooperadores

Premissa: Associação é um grupo de pessoas, unidas e organizadas em torno de um mesmo ideal, com o objetivo de realizarem  juntas o que não são capazes de realizar sozinhas:     Scards

 

QUEM SÃO OS SALESIANOS COOPERADORES?

 

– IDENTIDADE

Salesianos (as) Cooperadores (as) são Leigos (as) seculares, católicos, agindo na Igreja Local com o Carisma e a Espiritualidade Salesiana. São co-responsáveis pelo Projeto de D Bosco no mundo. Em outras palavras: Salesiano Cooperador é um católico que vive a sua fé inspirando-se, dentro da sua realidade secular, no projeto apostólico de Dom Bosco, para cooperar na salvação da juventude o grupo mais sensível e precioso da sociedade humana. Compromete-se a viver o espírito salesiano nas situações comuns da vida.

Um dos 03 primeiros Grupos fundados pelo próprio Dom Bosco:

                  1859 – Salesianos Padres, SDB,

                  1872 – Salesianas Irmãs, FMA,

                  1876 – Salesianos Cooperadores, SSCC.

- POR QUE SOMOS SALESIANOS COOPERADORES?

Porque a exemplo de Dom Bosco, também nós, sonhamos com um mundo melhor

que só se fará com uma Juventude bem acolhida, bem amada e bem educada. Porque conhecemos Dom Bosco e nos encantamos com o seu Projeto a favor da Juventude.

- MISSÃO DOS SALESIANOS COOPERADORES SEGUNDO  D BOSCO:

“A Associação dos Salesianos Cooperadores é criada para sacudir da apatia em que jazem tantos cristãos, e difundir a energia da caridade”.

“A obra dos Salesianos Cooperadores se estenderá a todos os países, se espalhará por toda a cristandade. A mão de Deus a sustenta! Os Salesianos Cooperadores é que haverão de promover o espírito católico. Uma utopia de minha mente, talvez. Mas eu a mantenho!”  MB XVIII, 161

- ONDE ESTAMOS?

Estamos nos 05 continentes, em 131 países, em 90 Inspetorias e em várias Visitadorias.

 

- QUANTOS SOMOS?

Geograficamente – censo 2005 ( e em números aproximados )

 

PROVÍNCIA

SEDE

ELENCO

Nossa Senhora Auxiliadora São Paulo

352

S. Pio X Porto Alegre

172

S. Luís Gonzaga Recife

298

S. Afonso Maria de Ligório Campo Grande

206

S. João Bosco Belo Horizonte

208

S. Domingos Sávio Manaus

174

TOTAL BRASIL

1410

TOTAL MUNDO

26703

- COMO SOMOS ORGANIZADOS?

A direção de nossa  Associação é colegiada, ou seja, somos dirigidos por Conselhos.

 

-1- Conselho Local  –  o território é a Obra.

Engloba os Salesianos Cooperadores e as Salesianas Cooperadoras que atuamem uma Obra Salesiana(de SDB ou FMA) ou das circunvizinhanças que não as possuem

-2- Conselho Provincial  –  o  território é a Inspetoria.

Dirige a Associação a nível provincial A ele se subordinam os Conselhos Locais de uma mesma Província.

-3- Consulta Regional  –  o território é a Região.

Dirige a Associação a nível nacional ou regional. A ele se subordinam os Conselhos Inspetoriais.

- 4- Conselho Mundial  – O território é o mundo, a Sede é em Roma.

Este, opera diretamente com o Reitor-Mor.

Dele emanam as diretrizes para os demais Conselhos nas 12 regiões que compõem o mundo salesiano.

O Reitor-Mor, sucessor de Dom Bosco, com a colaboração do Conselheiro para a Família Salesiana, é o Moderador Supremo da Associação. No exercício de seu ministério o Reitor-Mor se serve da Consultoria Mundial dos Salesianos Cooperadores.

O QUE NORTEIA NOSSAS ATIVIDADES?

É o PVA – Projeto de Vida da Associação.

COMO NOS ENCONTRAMOS, NOS FORMAMOS E NOS ORGANIZAMOS

            A NÍVEL LOCAL

No aspecto organizativo:

-     Reuniões Mensais para tratar de assuntos gerais;

-     Reunião anual, normalmente em dezembro, para planejar nossas ações;

-     Reuniões bimestrais para:

-     Avaliações, deliberações e eventuais replanejamentos;

-     Reuniões extra-ordinárias para tratar de assuntos específicos.

-     Assembléia anual, preparativa para a Assembléia Inspetorial.

No aspecto formativo:

Momento de Formação Continuada durante as Reuniões mensais;

      Encontros trimestrais de Formação continuada;

      Retiro espiritual anual.

      Festa mensal da Família Salesiana

      Celebração dos santos salesianos

      Confraternização anual

      Missa mensal nos dias 24 ( Nossa Senhora )

      Missa dominical

 

A NÍVEL PROVINCIAL

No aspecto organizativo:

  • Reunião anual normalmente em novembro, para planejar ações do ano seguinte;
  • Reuniões bimestrais para avaliações, deliberações e eventuais replanejamentos;
  • Reuniões extra-ordinárias para tratar de assuntos específicos.
  • Assembléia anual, sobre um tema atual e de interesse geral.

 

No aspecto formativo:

-     Encontros semestrais de Formação Continuada

-     Retiro Espiritual anual

-     Retiro da Família Salesiana

-     Romaria Salesiana

-     Confraternização anual

 

PERSONALIDADE ECLESIÁSTICA

               Como somos veiculados à Igreja.

 

Aprovados pela Sé Apostólica como Associação Pública de Fiéis, pelo Papa Pio IX, com o Breve “Cum Sicuti”, em 09 de maio de 1876.       PVA, artigo 06.

Participantes do patrimônio espiritual da Sociedade São Francisco de Sales.

 

COMO VIVEMOS NOSSA MISSÃO NA IGREJA LOCAL?

Leigos (as) seculares, vivem a missão de ser Igreja basicamente no século, isto é, no mundo, onde são chamados de modo especial, para torná-la presente e operante.

São lugares e circunstâncias onde só por meio dos Leigos, com sua competência e preparo específico, a Igreja pode ser fermento e sal da terra. Os Cooperadores vivem esta missão como portadores da Vocação, Espiritualidade e Carisma Salesiano.

 

O QUE QUEREMOS?

Atentos preferencialmente à juventude necessitada, acolhê-la, servi-la, amá-la e promovê-la. Realizar nas condições ordinárias da vida, o ideal evangélico do amor a Deus e ao próximo. Inspirados na Comunidade dos Primeiros Cristãos, praticar a comunhão fraterna, os momentos de oração e a partilha. Começando pela Igreja doméstica: cônjuge e filhos, nossos primeiros destinatários, manifestar e testemunhar os valores da Família e do Matrimônio.

 

 

PERSONALIDADE JURÍDICA

            O Estatuto, faz parte do nosso Projeto de Vida Apostólica ( PVA ).

COMO  SE TORNAR SALESIANO COOPERADOR?

      O Compromisso para ser Salesiano Cooperador exige uma opção livre, motivada e progressivamente amadurecida, sob a ação do Espírito Santo. Por isso, quem deseja entrar na Associação aceita um programa adequado de preparação, que dura o tempo necessário para verificar o próprio chamado. Estabelecendo-se Encontros quinzenais pode-se cumprir este programa em 24 meses úteis.

 

O Programa de Preparação inclui:

            Oração e aprofundamento da vida de fé, estudo e reflexão da vida de Dom Bosco, dos demais santos salesianos e do Projeto de Vida da Associação (PVA), participação na vida e nas atividades de um Centro Local.

            Quando atingir maturidade suficiente e completar pelo menos 18 anos, o Aspirante apresenta seu Pedido de Admissão aos responsáveis do Conselho Local. Aprovado, o pedido este Conselho envia-o para a aprovação do Conselho Provincial. Este agenda com o Inspetor Salesiano, data e local para a Cerimônia de Compromisso.

Quando o Centro Local for junto à uma Obra das FMA, agenda-se também com a Inspetora Salesiana FMA.

      A entrada oficial na Associação se faz com uma “Promessa” pessoal, com a qual se exprime a vontade de viver a opção batismal de acordo com o Projeto de Vida Apostólica.

      Passa-se então a pertencer à Associação como Salesiano (a) Cooperador (a).

 

A MESSE É GRANDE E PRECISA DE OPERÁRIOS          

Se você é Católico, tem 16 anos ou mais, solteiro ou casado, sente-se atraído para o trabalho voluntário em favor da Juventude, não espere mais. Venha até nós, conviva conosco, conheça Dom Bosco, seu Projeto, Carisma e Espiritualidade. Seja um dos nossos, ou melhor, seja mais um a acolher, amar e promover a Juventude. Te aguardamos. Venha!

 

REFLEXÃO FINAL

Os Salesianos Cooperadores estão com Dom Bosco, e com a juventude,

 para o que der e vier!

TRABALHO PARA CASA:

 

1 – Como Dom Bosco definiu a missão dos Salesianos Cooperadores na Igreja?  

2 – Onde o Salesiano Cooperador começa sua missão de ser Igreja?             

3 – Onde os Salesianos Cooperadores vivem sua missão de ser Igreja? 

 

PFI - F1 - E01 - Salesianos Cooperadores (pdf) (646)

 

PFI - F1 - E01 - Salesianos Cooperadores (pps) (612)

 

Orientações ao formador

Fale conosco | Copyright © ssccbsp.org - Todos os direitos reservados. All rights reserved.