Piquete Centro Local São Domingos Sávio

Centro Local São Domingos Sávio

Sobre

A presença salesiana em Piquete vem de muito tempo e no decorrer desse tempo, tivemos, muitos “Cooperadores Salesianos”.
Hoje contamos com 22 Salesianos Cooperadores e 8 Aspirantes em fase final de formação. Nossas reuniões de Conselho acontecem mensalmente, e com todo o grupo, bimestralmente.
Desenvolvemos nossa atividade pastoral no Oratório Domingo Sávio, aos finais de semana: sábado com a Catequese e domingo com Oratório Festivo de manhã e tarde, encerrando com a missa às 19h. Não temos presença salesiana de padre, ele atua como Diretor Espiritual; participam de atividades de pátio, quando possível.
É uma Obra Salesiana de leigos. Uma das cláusulas do Estatuto, diz que o Presidente e o Tesoureiro do Oratório devem ser preferencialmente, Salesianos Cooperadores.
Nos dividimos na Administração, na Catequese, no Ministério Extraordinário da Eucaristia, AJS, na Liturgia, Jovens Líderes e no Oratório Festivo.
Nosso Conselho está assim formado:
Coordenadora – Maria Amélia Alves de Carvalho
Secretaria - Eloísa Aparecida Ribeiro
Administração – Lucimara Ferreira Silvério
Conselheiros: Patrícia Maria Vieira Ferreira
Doralice Aparecida Costa
José Natal Paixão
Formadora: Edméa de Andrade Costa
Delegado: Ir Jose Rodrigues
Diretor Espiritual: Pe. Ildelfonso Mesquita Leite

História

SALESIANOS COOPERADORES EM PIQUETE

1.903 a 1.908 - Primeira imagem de Nossa Senhora Auxiliadora, trazida por padre salesiano, João Jose Crippa, que vinha para atender a cidade, pois até então não tinha um vigário. A imagem ficava na Igreja Matriz de São Miguel.

1.948 - Inaugura Hospital da Fábrica Presidente Vargas.
Hospital de médio porte para a época, com 60 leitos, diversas especialidades, médicos renomados do Exército, para atender os funcionários, suas famílias e cidades vizinhas.

1.949 - Irmãs Salesianas chegam para administração e enfermagem do Hospital. Estava criada mais uma Casa Salesiana no Vale do Paraíba. ((Irmãs Ema Tommazella, Elizabeth Catarina Zimemann, Maria Inês Xavier Ribeiro, e Natália Cordeiro) ainda vivas na memória dos mais idosos). Mais tarde, Ir Maria Clara Romeiro Moreira,e Ir Conceição( falecida há pouco tempo.)
Assim, difundiu a devoção a Nossa Senhora Auxiliadora, D Bosco e Maria Domingas Mazarelo. Festas memoráveis em honra a Nossa Senhora, até hoje lembrada por muito. Era o ponto alta de uma época: 24 de maio!
Concomitante com o trabalho no Hospital, as Irmãs criam a Obra Educacional Promocional Santa Maria Mazarelo, para meninas. Foi sempre conhecida por Orfanato.
Nessa época, já existiam os simpatizantes da Obra Salesiana, os Cooperadores Salesianos – aqueles que cooperavam: um dos primeiro e principal cooperador seria o Sr Luiz Vieira Soares, o então Prefeito da cidade, que viria a ser prefeito, por outros anos: sempre dedicado à causa de D Bosco; e também Pe Pereira, SDB, que assistia no Hospital.
Impulsionados pela Carisma de D Bosco, esses Cooperadores sonharam um local para os meninos.

1967- Início do Oratório Domingos Sávio: Pe. Mário Bonatti, e demais Cooperadores, que nessa época, já eram muitos, começaram um verdadeiro Oratório de D Bosco. Com toda a pobreza, dificuldade, e a rebeldia de meninos e jovens da Vila Esperança.
A Obra foi crescendo com as bênçãos de Deus, inspiração de D Bosco, e trabalho da Comunidade. Os Cooperadores foram chamados a se COMPROMETEREM com a causa de D Bosco.
Com o tempo, os compromissados, já idosos, fez com que o grupo se tornasse muito pequeno, mas forte, na missão, na ação e oração.

2015- Ano muito importante para o Oratório Domingos Sávio. Por empenho especial do Pe Mário Bonatti, dos Salesianos Cooperadores da época e do Pe Eduardo Capucho, se prepararam e assumiram o Compromisso, 13 novos Salesianos Cooperadores.

2020 - Hoje, somos 22 Salesianos Cooperadores, e estamos formando 8 Aspirantes.